Lesões incidentais da hipófise em exames de imagem. O que fazer?

Saiba o que é, quais têm o maior risco de crescimento e como deve ser feito o acompanhamento.



Olá, amigos do #batepaponeurocirurgico!!


As lesões de hipófise descobertas incidentalmente, quando exames de ressonância magnética (RM) do crânio ou tomografia são realizados por outras razões não relacionadas diretamente com a glândula hipofisária, são chamadas de incidentalomas. As taxas de descoberta desses achados em exames de RM podem chegar até a 40%.


Em relação ao tamanho da lesão, é sabido que as lesões descobertas com tamanhos maiores do que 10 mm carregam maior risco de crescimento, quando comparadas com as menores que 10 mm.

É prudente que os pacientes com incidentalomas hipofisários, sejam esses maiores ou menores do que 10 mm, sejam avaliados por um endocrinologista e um neurocirurgião, para decidirem sobre a necessidade de exames hormonais e de imagem complementares, tratamentos medicamentosos ou de intervenções cirúrgicas.


Em caso de dúvidas, procure um neurocirurgião de confiança. 

#batepaponeurocirurgico #neurocirurgia #neurosurgery #neurochirurgie #cranialbase #skullbase #transsphenoidalsurgery #pituitarysurgery #pituitarygland #incidentaloma #tumordehipofise #hipofise #endoscopicsurgery #adenomadehipofise #pituitarytumor #feiradesantana #feira

Grupo Baiano de Oncologia

Rua Castro Alves 1490  

Feira de Santana, BA

75 3025-9900

Entre em contato:

© 2020 by Israel Marques Neurocirurgia. CRM BA 24923. RQE 17624.