Hidrocefalia no bebê. Quais são as causas e como tratar?

Entenda como a enfermidade lesa o cérebro, quais são os sintomas e tratamentos mais comuns.

Olá, amigos do #batepaponeurocirurgico .


A hidrocefalia, acúmulo de líquido no cérebro, em bebês é causada na maioria das vezes por obstrução do fluxo de líquido cefalorraquidiano (LCR), o que caracteriza a hidrocefalia obstrutiva, também chamada de não comunicante. O resultando é o aumento dos espaços liquóricos intracranianos, especialmente dos ventrículos cerebrais, que pressionam o cérebro e levam ao aumento da pressão intracraniana.

Até um quarto dos casos está associado à mielomeningocele, e quando não tratados, causam a longo prazo aumento do tamanho do crânio e lesão cerebral. Os sinais e sintomas incluem dor de cabeça, irritabilidade, alterações comportamentais, atraso do desenvolvimento, movimentos oculares anormais, vômitos e hipoatividade.

A criança deve ser acompanhada por um neurocirurgião, e por um neuropediatra, especialmente se houver crises convulsivas e retardo do desenvolvimento associados ao quadro. O tratamento cirúrgico geralmente é feito com válvulas, por exemplo a derivação ventriculoperitoneal (DVP), ou por técnicas endoscópicas.


#batepaponeurocirurgico #neurocirurgia #neurosurgery #neurochirurgie #hidrocefalia #dvp #terceiroventriculostomia #thirdventriculostomy #etv #csfdiversion #endoscopicsurgery #hydrocephalus #endoscopiacerebral #microcirurgiaendoscopica #feiradesantana #feira #fsa


76 visualizações

Grupo Baiano de Oncologia

Rua Castro Alves 1490  

Feira de Santana, BA

75 3025-9900

Entre em contato:

© 2020 by Israel Marques Neurocirurgia. CRM BA 24923. RQE 17624.